18 de jun de 2012

estava demorando.....

as crianças com os lábios rachados e com um leve resfriado....

e eu, claro, com dor de cabeça, de garganta.... ah, claro que eu não ia sair livre dessa, néam?

---------------------------------------

estou 100% emocionada com a marcha do parto em casa, que está acontecendo (que aconteceu) nesse final de semana no Brasil.

foram muitas cidades marchando, muito lindo!
e não foi pelo parto em casa.
foi pelo direito da mulher em escolher o lugar onde ela quer parir. porque cesárea não deveria ser escolhida. ela é uma cirurgia de médio porte, que só deveria ser feita quando necessária.

porque, sim, tem mulher que se sente melhor em casa (como eu), tem mulher que se sente melhor em casas de parto e tem mulher que se sente melhor no hospital. cada uma deveria ter o direito de parir onde quer e com respeito e dignidade.

abaixo à violência obstétrica, aos métodos e médicos obsoletos!

eu estou lá de coração.

Um comentário:

Maíra disse...

Eu já passei por todas essas etapas... quando era adolescente achava que queria uma cesárea, depois comecei a querer PN só que em hospital, até que terminei desejando um PD! Nesse ponto foi bom eu ainda não ter filho, porque consegui alcançar o estágio final da evolução nesse quesito antes, hehehe. Nesse finde uma amiga teve um PD desassistido tipo o da Coral, achei sensacional, lembrei de você na hora.

Bjs!