30 de jul de 2014

na terceira idade.

jesus, que será?

ontem a gente acordou às 4 da manhã pra pegar o vôo das 6 pra ir pra wellington.
fomos.

a embaixada abre às 10. a gente estava no centro às 8:00.

andamos. andamos.
frio do cão.

resolvemos dar um pulo no te papa. só às 10.
esperamos por lá, mesmo, que era quentinho.

voltamos pra embaixada. antes, passamos na loja de doces e as crianças compraram 10kg de jelly beans (jujuba?).
pegamos o título, a procuração e 10:30 estávamos livres. até às 8:30.
eu estava morta de fome.

andamos procurando um restaurante que não fosse café. nada. bhuda foi perguntar e encontramos um americo-mexicano. foi lá mesmo.

ficamos por lá uma hora e pouco, o máximo que consegui enrolar. hauhauha

de lá, cable car. um trenzinho histórico. de um fim de linha ao outro, 3 paradas. no total, 5 minutos. hauhauahahaha

lá em cima do morro, fomos ao cable car museum (2 minutos pra rodar todo o enorme museu). resolvemos ir ao zealandia.

zealandia é um santuário, uma reserva de terras que simula a nz antes da civilização. enfim, só pássaro e lagarto.
a gente estava tão cansado que nem aproveitou nada.
a parte que eu mais gostei foi o sofá do café, onde a gente ficou por umas 2 horas. de verdade.

do zelandia para o cable car para o busão para o aeroporto.
ficamos sentados nas mesas do aeroporto, meio morrendo, meio vivos, até a hora de ir embora.

os caras do raio x não queriam abrir a porta e a gente ficou esperando uma hora lá, brincando na porta do raio x. pelo menos a coral e o zé se divertiram.

passamos pelo raio x, e o avião estava atrasado. muito atrasado. era hora do embarque e o avião nem tinha chegado.

- pausa pra comentar - a gente voou de jet star, uma companhia low cost. a aeromoça veio prendendo o cabelo, ficou papeando e rindo maior alto com a outra aeromoça e ignorando geral os passageiros. ótimo. no avião tb, os comissários todos se enfurnaram no fundo e ficaram morrendo de rir. eu, sentada lá no fundo, ouvindo toda a conversa deles. e passavam com a bebida - que é paga, com cara de bunda, provavelmente porque tiveram que parar de papear pra servir. jóia. se bem que em várias outras companhias que não eram low cost eu peguei muitos comissários cretinos/barulhentos/cara de bunda.

filhos n.1 e 3 apagaram antes da decolagem. filhos 2 e 4 ficaram acordados o vôo todo.

nunca um vôo de 40 minutos demorou tanto.

mas, enfim, chegamos em casa.

e hoje eu estou moída.
toda dolorida. muito dolorida.
doi pra andar, doi pra tossir, doi pra tudo. cruzcredo.

ah, foda.

Um comentário:

Tatiana Saito disse...

Não tem trem pra Wellington?

E como você compra um vôo tão longe do outro, sem programas nada no meio?

Jesus, vou te ensinar a organizar viagens de apenas um dia! Ahahahahahahah