9 de jul de 2014

ah… o tempo….

sim, o maldito tempo de auckland é uma merda. que bosta de chuva que não passa.

mas ok, eu já deveria ter acostumado com isso.
um dia eu acostumo, porque, apesar do tempo horrível, eu amo auckland. e todas as partes que eu conheci da nz.

-----------------

mas não era desse tempo que eu vim falar. é dos anos.

hoje estava terminando o segundo livro da melissa e vi fotos. dos últimos 5 anos.
fotos da mel com o rosto redondinho. do zé bebê. do joão pequeno. e da coral de fralda.

coral viu e disse:
- colal? de falda? colal de falda.

e pronto.

saudade mor daqueles tempos. de todos aqueles tempos. de todos os tempos. dos tempos em que eu ia pra escola. dos tempos em que eu não precisava estudar pra tirar notas boas. do tempo em que eu comprava um suflair e um ruffles e uma coca de 600mL depois da escola. do tempo em que eu dormia de tarde e todo mundo ainda achava que eu era uma coitada que estava estudando tanto (as notas eram sempre boas, lembrem). tibi. cherie.

do tempo dos namorinhos. dos cinemas sozinha. dos cinemas com a irmã. da casa do som.

do começo de namoro com o marido. das viagens, dos passeios. dos amigos tão amados que conheci nessa época. dos cachorros. da faculdade. até da viagem de 3 horas cada perna. do igor pequenininho gritando "tha-iiiiis" da sacada da casa dele. do gu.

da primeira gravidez. da bebezinha linda que veio. da primeira mamada insegura. da primeira fralda trocada. do bebê enorme e gordo que ela virou em algumas semanas. das horas que eu passava só confirmando que ela estava bem. da primeira papinha, de ameixa. da nes***. me matem. dos primeiros passos. das viagens. da vó e do vô. da yuka. de belo horizonte, cidade linda! da primeira palavra. do primeiro "mamãe".

da segunda gravidez, das mudanças, de vinhedo, do parto. do bebê japonês mais lindo que o mundo já viu. do quanto essa criatura chorava e me deixava louca. da risada gostosa dos dois bebês enquanto brincavam.

de madri. mas não, não quero morar lá de novo. de ser vegetariana. e não também da tap nem da iberia.

da terceira gravidez. da minha segurança com o que estava acontecendo, como eu estava bem! do terceiro bebê. de ter, mais uma vez, 2 usando fraldas. e 3 crianças (3, 2 e 0 anos).

do casamento, de buenos aires, da lu e do batata.

da viagem pro japão. e do zé tentando abrir a porta do avião. do japão. do youchien. do pta. do ootoya. do lamen. do porquinho. dos meus pais. da loja de bolos mais gostosa do mundo. do baskin. do bellcity. do suzuka circuit. do fit rosa. o primeiro acidente de carro de verdade. das crianças falando em japonês. nhoim!

das longas férias em auckland. do verão nublado e frio. da casa em new lynn. dos patos. dos vizinhos fofos. da escola. das crianças aprendendo a falar inglês. do monte de amigos que eles fizeram. do tanto de choro que o joão teve. o orgulho dele quando se "formou" do kindergarten e foi pra escola grande. da mel se soltando. do zé brincando com a galera na escola. do flynn. da jin. do emmanuel.

do scenic, do sienta. das viagens. da quarta gravidez. da falta de burocracia. da minha mãe. da ju e do art. do bebê fofo e lindo, que gritou muito logo que nasceu. e não parou até hoje. da última primeira mamada. da última primeira fralda. da última primeira - não - papinha. da última primeira palavra.da última fralda. de ser mãe de quatro filhos e ouvir mais do que nunca se eu não tinha tv.
do dia em que eu vi a lemon na carrocinha e me apaixonei. das primeiras sessões de treinamento. da primeira fuga. da segunda fuga. da terceira fuga. da viagem - e do canil.
da tathi e do josieudes. da campervan, de northland.

da viagem para o brasil. da minha mãe. da minha vó. da minha irmã de sangue e das minhas irmãs adotadas pela vida - e todos os sobrinhos e cunhados. do igor. do afilhado mais lindo do mundo. da pérola. da maya. do tio nelson. da água de coco. da carambola. do feijão. do torresmo. da alegria de quando abri a caixa de mangás. da alegria de ter cabelos roxos. de itu. da tristeza na hora de refazer as malas. da alegria de ter tanta gente que ama a gente e que a gente ama. do nervoso de ter gente mais teimosa que a gente.

da nossa casa, tão bem cuidada pelos novos velhos amigos. do reencontro com a cachorra. da volta à rotina. de começar a ler os mangás e redescobrir que a coleção não estava completa.

ah, é tanta coisa!
foi um breve resumo da minha vida até então. só com as coisas que me deixam saudades……..

Um comentário:

Tatiana Saito disse...

Poxa, precisava falar da Casa do Som?

Que fique claro que eu só ia ao cinema. Ela ia sozinha pra Casa do Som.

Tá registrado?