4 de fev de 2011

escola no japão x escola na nova zelândia

e ontem (quinta), às 10 da noite, recebemos a lista de materiais para o ano letivo da Mel. e as aulas começam dia.... 7 (segunda).
o mais legal é que amanhã a gente tem que ir pra escola de manhã e trabalhar o dia inteiro, arrumando a escola para as crianças começarem as aulas bem e domingo é fe-ri-a-do. e feriado aqui fecha tudo. um cocô.

resultado? dia hoje batendo perna atrás de material.

estou morta. as crianças também.

hoje fez falta estar no japão, porque eles davam a lista de material (sem brincadeira) 6 meses ANTES de começarem as aulas. OK, é exagero e eu quase perdi a lista um milhão de vezes, mas seria ótimo receber a lista com umas duas semanas de antecedência, para, pelo menos, conseguir colocar o nome nas coisas, né?

--------------------------------------------------

mas enfim, eu entendo.
estou reclamando de rabugenta, porque eu entendo. não posso comparar com uma escola comum, onde a lista de material para a segunda série está feita há décadas e nunca muda: eles só reimprimem e entregam.

na waldorf, faz um bom tempo desde que a professora deu aula pra segunda série (se é que ela já deu, né, porque é tão novinha...). e a lista é minúscula. a gente teve que comprar 5 coisas, ha ha ha ha, e só porque as coisas estão num navio vindo do japão, né. senão não tinha que comprar nadinha.

para quem não está familiarizado com a pedagogia waldorf: nela, os professores ficam com os alunos durante os 8 anos do ensino primário. depois muda de professor, que fica com eles durante todo o ensino médio. por isso, o professor ensina a mesma matéria poucas vezes. Mas nas Waldorf do Japão, os professores mudavam todo ano.


--------------------------------------------------

mas receber a lista ontem logo na hora de ir dormir foi triste, viu.

2 comentários:

Mari disse...

Não conheço muito o sistema Waldorf (na real, não conheço nada, hahaha), e achei muito bom isso de ficar o mesmo professor os 8 anos com os mesmos alunos. Não tem aquela coisa de adaptação, de o professor "conhecer" cada um deles a cada ano, que leva um bom tempo né. Deve ser meio ruim para os professores, que devem se apegar bastante aos alunos e quando terminam deve ficar um vazio...
:D

Tati Tamie disse...

No Ensino Médio daqui, tem um professor pra cada matéria, tipo nos métodos tradicionais... Só o ensino fundamental é que fica com o mesmo professor durante 9 anos...

A lista do Igor tem umas coisas alien, tipo "cabo de vassoura lixado", ou "2 sacos de 10x10 fechados com arroz dentro"... Tô pra costurar o saco, mas vc sabe como é minha familiaridade com as prendas do lar.....