2 de dez de 2008

burocracias

ontem fomos até à prefeitura arrumar nossa situação. hauahua, tirar o registro de estrangeiros (gaikokujin touroku), fazer seguro e perguntar sobre a escola da mel.
pois bem, achei que a gente ia ficar umas boas 90 horas. hauahuahauah. mas que nada! em 3 horas preenchemos 95 papéis, fizemos os registros (e pegamos os das crianças. os nossos só ficam prontos em 30 dias), o hoken (que é o seguro saúde) dos 5 (e já pegamos as carteirinhas), demos entrada no jidou teate (que é um dinheiro que quem tem filho pequeno recebe) e no reembolso saúde de criança, e ainda falamos com o pessoal da secretaria da educação.

foi muito fácil, muito prático. era: guichê 15, registro de estrangeiro. guichê 2, jidou teate. guichê 3, reembolso saúde de criança. guichê 5, seguro saúde. hauhauhauhau, sério. tudo muito organizado, muito fácil.

agora só precisamos ir ao banco abrir uma conta pra receber os benefícios. hua hua hau hua

gente, se fosse no brasil, ia ter que ir em 50 lugares diferentes, levar as cópias dos documentos (eles tiraram tudo lá), esperar hoooooras em filas....... e ainda ser atendido por uma cara de bunda. incrível como o pessoal daqui foi educado e paciente com a gente...

7 comentários:

Fabiola disse...

Nossa que legal
Vcs nunca mais voltam?

Anasor Orisho disse...

ahhh.. isso é hein? muito educados e gostam de criança ne?
não sei os seus, mas aqui ate dos meus fazendo bagunça eles acham "kawaii"
o povo japones deve ser o mais educado do mundo!

beijo

Sandra Goraieb disse...

Tha, que bom que as coisas estão indo bem para vocês. Fico sempre na torcida.

lulu disse...

ai, que legal! pelo menos trataram bem, né?
beijo

Maíra disse...

Ah, Thais, e onde tah a novidade que no Brasil td eh uma droga?
Affff... quero ir embora daqui tb....
Vcs vao ficar por ai indefinidamente? Poxa, eu ainda tinha esperancas de te conhecer pessoalmente um dia, mas no Japao vai ser foda, auhauahua

Bjossss

Morrocoy disse...

Ahh que legal!!! Digam o que digam, o Japão é a eficiência em pessoa! Ops, em país.
Beijosss!

B i a disse...

primeiro mundo é premero mundo né não