20 de jan de 2008

a p***a do carro

Pois é. A coisa quebrou de novo. No meio da rua de novo. Uh, delícia.
A gente acordou, foi pra feira, pra casa da minha avó e estávamos indo pra reuião de cesariadas da materna_sp.
Aí que o carro fez puuuuf e morreu. E não voltou.

Agora o cadáver está com o sogro, que vai levar pra arrumar na segunda.

E nós, de castigo, em casa. HUa hua hua hau....
Que bostenha, meu.

Bom, ainda bem que a gente é experiente. A gente teve carro morrendo na pista expressa da Marginal Pinheiros (volta do Eldorado, sacomé), na Fernão Dias (fazendo BH-SP), na Dutra (SP-Gru), na frente do Starbucks Itaim,.... Acho que tinha mais. HUa hua hua hau hau hau
Ah, teve uma vez com a Lê, no estacionamento da Vet. huahauahauahauahuaha.

Ai, cara, que foda. Esse carro tá na hora de jogar no lixo. hauhauahauahauhauahuahauhaua

6 comentários:

bhuda disse...

aqui jaz um corsinhaaa.. ehehehe

Sô* disse...

iché!
troca logo...
eu não consigo viver sem crro, taria sinmplesmente histérica
bjos
*Sô*

B i a disse...

carregou crianças,parentes e aderentes...serviu bem,num foi?

flores na janela disse...

concordo com a Bia ele foi bonzinho.
Agora ta cansado
ta um desconto né
bjks
rsrsrsrrsr
é horrivel ficar sem carro né?

Renata disse...

ai ai.
sabe que eu tenho um certo pânico de pensar em um dia o carro quebrar comigo sozinha (leia-se sem o Re)? acho que fico perdida, sento e choro. kkk...

Simone disse...

nem me fale! preciso trocar pneus (meus e do carro, hehehe), pastilhas e discos de freios, amortecedores E pagar meus (no plural mesmo) IPVAs (shame on me!)