4 de fev de 2006

apareceu a margarida

Hoje recebi o e-mail de uma pessoa que fez parte da minha vida há muitos anos. Muitos, mesmo. Uns 10.
Uma pessoa que foi muito querida. Querida demais.
A gente conversou, brigou, riu, se abraçou, se deu colo, dançou, passeou, comeu, dormiu (de dormir, mesmo, fechar os olhos e sonhar). A gente, praticamente, morou junto. Eu, ele, mais 500 amigos, minha irmã e a minha mãe.
Acho que foi a minha fase mais cheia de amigos. Foi uma fase boa, onde eu elevei minha auto-estima, onde eu aprendi a ser amiga, a aceitar, a ter amigos.
Mas foi uma fase bem complicada, também. Vários problemas. Muitos, mesmo. E eu aprendi o quanto eu sou teimosa e de convicções fortes. E que, o que e quem eu não aceito, eu não aceito e ponto.
Foi nessa época que eu tive várias "primeiras" coisas: festa, beijo, namoro, viagem com as amigas, briga, separação, choro incontrolável, raiva.

E como foi bom ouvir uma notícia boa de uma pessoa que fez parte da minha vida naquela época...

3 comentários:

Tathi disse...

Tem razão! É uma delícia encontrar velhos amigos! Ainda mais quando são amigos tão queridos e de uma fase tão especial da sua vida que é a fase das "primeiras" coisas...

Beijos!

Renata disse...

Reencontrar pessoas que foram ou são importantes é muito bom, mesmo. Parece que preenche uma lacuna, né...

katy disse...

Oieeee

Nossa vc falando isso tbm vieram um monte de coisas na minha cabeça dessa época.....

Sua casa vivia lotadaaaa de gente, jah não dava p/ saber quem moraca lah e quem era visita....rs

Eu, pelo menos ia no sabado, ou na sexta e só saia na segunda qdo sua mãe nos levava p/ escola...rs

Ou qdo aconteceu uma coisa muito chata e choramos ate não poder mais... ai vc me liga de madruga p/ dizer q tudo havia se resolvido... ate hj minha mãe costuma dizer q nunca me viu chorar tanto qto aquele dia...rs

Mas mesmo assim é bom recordar...

ps: seus filhos estavam linduuuus no casamento!!!