31 de jan de 2006

escolinha e a mamãe

Melissa ficou com medo da escolinha.
E eu também.

Não pela escola (mas um pouco, também por isso). Por ela. Por ela ser do jeito que é, tímida, quieta, boazinha demais. Fico achando que ela vai ser judiada. Ui. Não gosto nem de pensar.

Ela diz que quer ir. Depois diz que não quer.

Eu, que quero que ela vá, mas não quero.
Acho uma boa hora pra entrar na escola, mas também acho que pode ser cedo demais.

E a família, sempre. Um diz que é cedo, outro, que é tarde, outro, que é a hora.

Oh, man.

6 comentários:

Bhuda disse...

moreco.. meu coraćão diz q é muuuuuuuuito cedo... mas fico pensando na vontade dela de brincar com outras crianćas.. ai ai ai mesmo viu... o que faremos?

Simone disse...

Thá, sei que já tem gente demaaaais dando palpite mas acho que, se vcs estão em dúvida, melhor esperar. senão, pode ser sofrido pra ambas as partes. bjs

disse...

Eeee Thá! Se ela está nessa indecisão, leva ela no primeiro dia de aula e vê o q ela acha... pode ser q ela estranhe no começo, mas ela vai acabar gostando. Vai ter um moooonte de criancinhas pra ela brincar junto, e vc pode combinar com a secretaria de ficar por lá na primeira semana, ou até ela se acostumar com as tias e os amiguinhos! (Vc sabe que o Machado é uma mãe, né??? Tudo pode naquele lugarzinho... hahaha)

Beijo

menina dos cabelos amarelos disse...

hum... olha, esse negócio de hora certa, depende da criança. eu fui parar em escolinha antes de ter 2 anos, e levei na boa. meus irmãos variaram: um entrou com 3 anos completos, os outros dois entraram com 3 pra fazer 4. eu, como filha de professora, ouvindo as histórias da minha mãe e lembrando de quando era criança, acho que 3 anos é uma idade boa pra pensar em colocar. na verdade, 3 pra 4 é o ideal pro chamado jardim I. antes disso, só se os pais precisarem trabalhar e tal, e a criança não tiver com quem ficar. se não for seu caso, pra que colocar já? ela vai crescer tão rápido mesmo, aproveita mais um pouco. ela só tem 2 aninhos, é muito pequena! ano que vem, quando ela tiver com 3 pra fazer 4, aí já tá na hora, não é bacana deixar passar mais. beijo!

Renata disse...

Ô, Thá... decisão difícil né? Eu acho que o melhor é respeitar o ritmo dela. Talvez vc possa levá-la para um primeiro dia na escolinha e ver como ela fica. Se ficar bem, volta. Senão, não volta. Quanto às cobranças da família... ih... finge que não ouve que é a melhor coisa. Ninguém além de vc e do Bhuda sabe o que é melhor para os seus pequenos.

Anônimo disse...

Acho que tudo vai dar certo.....mas é a minha opinião, quero tanto colocar a naná, agora, já, ontem...mas não dá $$$$$
Ela pede todos os dias....
Quer ficar, quer descer do carro, pede pro pai....
Mas acho que a adaptação dela não será mágica como a da Marcella, acho que dará trabalho, mas vendo a Marcella escrever o aeiou, fazendo contas e todo o resto, vejo que vale a pena, essas 4 horinhas, dão um bum pra elas....
Sabe, eu não tenho muitos recusros e nem didática pra desenvolver mais a Naná, vejo que ela quer "crescer" dentro da inteligência dela, quer brincar mais com outras crianças, em tudo o que a escola oferece, parquinhos, pinturas, criatividade....e eu não posso dar mais do que eu tenho pra dar, como dona de casa, mãe, gerente do lar, e acho que a função da escola é essa também, socializar, ajudar no desenvolvimento, mas a grande parte é pra gente, portanto 4 horas fora de casa não vão mudar sua filha, não vai acontecer nada demais que não seja pro enriquecimento dela, social, motor, quociente emocional....
Vejo crianças mais velhas que a Marcella indo pra escola, indo pro jardim, que não acompanham, coisa que já tem idade pra estarno jardim, mas não acompanham, pq. não foram antes pra escola, não partciparam das trocas de mordida, do aprender a ficar quieto, sentar, se concentrar na hora que a prof. pede....risos....ficam perdidas
são tantas possibilidades....
Thá e o lance da fralda?
Comprei calcinhas pra Naná ontem, as antigas da Marcella são enorrrmes pra ela...risos