7 de jul de 2005

Tira, põe, deixa....

Putz grila.
Como é chato.

Eu pego os óculos, a chave do carro, a bolsa. Pego o João no colo, a Melissa pela mão. Abro a porta, saio, tiro a Melissa. Solto a Melissa, fecho a porta, tranco. Guardo a chave de casa na bolsa. Vou pro portão. Abro o portão, abro o carro. Jogo o João no banco, de qualquer jeito, e vou colocar a Melissa no cadeirão, antes que ela vá pra rua. Coloco a Melissa, prendo o cinto. Volto pro outro lado, coloco o João no bebê conforto, prendo. Fecho a porta. Fecho a porta da Melissa. Entro no carro. Tiro o chinelo. Ligo o carro, engato a ré. Piso no acelerador. E vejo o portão aberto. Desligo o carro, saio, descalça, fecho o portão. Volto pro carro. Ligo, piso no acelerador e voi là.
Chego na locadora, tiro a Melissa do carro, coloco no banco da frente, do passageiro. Tiro o João. Fecho as portas. Tiro a Melissa. Travo o carro. Abro a porta da locadora. Entro, depois da Melissa. Ando de um lado pro outro, procurando "Jogos Mortais". Pergunto se chegou, pro atendente. Ele procura na pilha de devolvidos, acha e me entrega. Peço pra Melissa segurar. Quando vejo, ela já está com uns 10 filmes nas mãos. Vou procurar, um a um, onde estavam e guardo. Percebo que guardei o "Jogos Mortais". Vou pegar, de novo. Onde eu coloquei? Melissa! Deixa esse filme, filha. Pego um qualquer e dou pra ela segurar. Ela segura, feliz. Acho o "Jogos Mortais". Vou pagar. O caixa cobra. Os dois. "Jogos Mortais" e "De-lovely" (?). Era o que eu tinha dado pra Melissa segurar. hehehe.
Pago, saio. Jogo o João no banco de trás, vou atrás da Melissa, que já estava correndo pra rua. Coloco ela no cadeirão, prendo o cinto. Volto pro João, que está chorando. Coloco no bebê conforto, prendo. Fecho as portas, entro no carro. Tiro o chinelo. E ré.... Saio. Passo na frente do sacolão.
Tinha que comprar salada. Desisto. Nem tem aqueles carrinhos com o bebê conforto. Não consegui imaginar como ia escolher fruta com o João no colo. Passo direto.
Ia pra farmácia, comprar escova de dentes. Nem me dou ao trabalho de mudar o caminho. Tirar os dois, pôr de novo, pagar com João no colo e prestando atenção na Melissa, pra ver se não está roubando nada... não rola.

Vou embora, feliz.

Mercado dá, porque a Melissa fica dentro do carrinho e o João no bebê conforto do carrinho. É só empurrar.

Claro que, sem esquecer de tentar ajeitar o cabelo, né.

Um comentário:

Bhuda disse...

ufaaaaaa.. heheh nega q canseira mesmo viu...
coitadinha de vc viu...
ehehe só posso ajudar vc no fds ou a noite.. ehehhe